970×90

Não fique doente – ‘por um 2015 saudável’

No programa ‘Brasileiros no Mundo’, apresentado por Ilma Paixão na segunda-feira, 5 de janeiro, o tema foi ‘Um 2015 saudável’, que abrangeu dicas da psicóloga Sandra Ferreira sobre saúde mental e de Ilton Lisboa, cobre alimentação e qualidade de vida. Além de abordar vacinação contra gripe e outras áreas envolvendo o bem estar físico e emocional. O programa ‘Brasileiros no Mundo’ é transmitido pela WSRO Rádio 650 AM.

Cada um de nós sabemos que a vida na América é dura e se deixarmos de trabalhar um dia sequer, sentiremos os reflexos no salário. Portanto, ficar doente é uma coisa fora de cogitação e todos os cuidados com a saúde são necessários, principalmente porque os custos da medicina são caros. Mas como cuidar da saúde com tanta falta de tempo e de dinheiro já que tudo o que se refere a serviços médicos aqui é muito caro? Se prevenindo.
Um dos males que mais mata anualmente são os provenientes do coração, e são provocados principalmente pelo tabagismo, hipertensão, colesterol alto, diabetes que são alguns dos vilões, e as causas de doenças cardíacas – não naturais e congênitas – que matam milhares de pessoas a cada ano.

A prevenção e a adoção de hábitos saudáveis é um dos fatores que pode evitar tantas mortes. No mundo todo, as doenças cardiovasculares matam milhões de pessoas todos os anos.

De acordo com o American Heart Association, os males cardíacos são os que mais matam mulheres todos os anos nos Estados Unidos – mais do que todos os tipos de cânceres combinados e as autoridades se mobilizam cada vez mais com campanhas e ações mobilizadoras que visam chamar a atenção para o problema.

Nos Estados Unidos, a American Heart Association promove todos os anos o National Wear Red Day, que em 2015 será no dia 6 de fevereiro.

Algumas combinações são letais e explosivas – cigarro com hipertensão, aliás, o tabagismo é o maior responsável pelas mortes precoces por cardiopatia – antes dos 45 anos para os homens e 55 anos para as mulheres. Um fumante do sexo masculino entre os 35 e 44 anos que fuma pelo menos dez cigarros por dia, tem o dobro de probabilidade de morrer do coração do que um não fumante.

Acima dos 20 cigarros/dia, os riscos triplicam, e aumentam na medida em que mais se fuma. O diabetes, multiplica por cinco o risco dos males cardíacos para as mulheres, e o dobro para os homens. Até a década de 80, pensava-se que a única fórmula de combater o colesterol alto, era um combinação de exercícios físicos e alimentação. Com o surgimento da estatina, que hoje é receitado e consumido por cerca de 100 milhões de pessoas no mundo todo, e que é usada para desobstrução coronariana que obstruem e provocam coágulos que entopem as artérias. A estatina é considerada o melhor remédio depois da aspirina.

A cada dia a medicina aperta o cerco contra os males do coração, alertando para os fatores de risco. Para as mulheres o infarte costuma ser mais letal do que para os homens, e podem ter origem em fatores hormonais, que tornam os tecidos do músculo cardíaco mais fina e passível de necrose com maior facilidade. Pensava-se até algum tempo atrás que enfarte era coisa de homens, mas a cada dia o número de mulheres infartadas aumenta, e tem como um dos maiores fatores o fumo, que junto com a hipertensão, o stress, a obesidade e as pílulas anticoncepcionais que alteram todo o sistema circulatório.

Os cuidados devem ser diários e abrangem exercícios físicos, controle da pressão – que deve ser medida todo mês, e pelo menos um check up anual. Além de cuidados especiais com alimentação que deve ter menos gordura – especialmente a animal e mais rica em fibras, que devem ser requisitos básicos para quem quer viver mais e melhor.

O que comer? É a pergunta que se faz, principalmente aqui na América, onde o tempo é curto e a pressa acaba por impor um ritmo alucinante onde não sobra tempo para nada, quanto mais se alimentar adequadamente. Hoje, qualquer alimento tem vitaminas e aditivos químicos em excesso.

O que cada um tem que fazer? Pensar, refletir, agir e colocar em prática os cuidados que vão manter a saúde e a forma física em dia. Alimente-se bem, durma as horas necessárias, não se estresse e cuide da sua saúde, vá ao médico regularmente e se previna. Você é importante demais para ficar doente.

Imagem meramente ilustrativa

About The Author

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Translate »