970×90

Consulados nos EUA e México buscam informações sobre brasileira desaparecida

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) informou que os consulados-gerais do Brasil em Houston, Miami, New York e na Cidade do México estão em contato com as autoridades norte-americanas e mexicanas,em busca de informações sobre a brasileira Nájila da Cunha Salem, desaparecida desde o dia 1º de fevereiro, quando fazia a travessia do México para os Estados Unidos.

“O MRE foi contactado em 10 de fevereiro, por parentes da brasileira Nájila da Cunha Salem, com o pedido de que se confirmasse seu óbito em território norte-americano, após travessia da fronteira com o México. Os consulados no México, Houston, Miami, New York e o escritório do MRE no Rio de Janeiro foram acionados por diferentes amigos e parentes da brasileira”, informou o Itamaraty.

Segundo parentes, Nájila tentava atravessar a fronteira com a ajuda de “coiotes”, que recebem para atravessar imigrantes ilegais do México para os Estados Unidos. O filho de Nájila,

Felipe Salem León, de 12 anos, tem dupla nacionalidade brasileira-americana e está em New York com um amigo dela, e o Consulado-Geral em New York foi acionado para obter informações sobre ele, e “prestar auxílio nas providências relativas ao retorno do adolescente ao Brasil”.

Segundo o Itamaraty, até o momento as autoridades norte-americanas e mexicanas não tiveram nenhuma informação sobre a brasileira. “O Consulado em Houston vem realizando gestões, desde 9 de fevereiro, com as autoridades policiais e migratórias norte-americanas que atuam nas fronteiras, mas até o momento as referidas autoridades não confirmaram ter conhecimento do caso, não constando o nome da senhora Salem em sua base de dados”.

Usado com a permissão da Agência Brasil/EBC. Por Danilo Macedo; edição:Fábio Massalli

About The Author

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Translate »