970×90

Avião com 162 pessoas a bordo desaparece na Indonésia

Um avião da AirAsia que voava de Surabaya na Indonésia para Cingapura, com 162 pessosa a bordo, desapareceu na noite de sábado após 42 minutos de voo. O voo QZ8501 tinha um trajeto de 2 horas e 10 minutos levava 155 indonésios e 7 estrangeiros – três sul-coreanos, um britânico, um francês, uma malaio e um cingapuriano – e os pilotos pediram para mudar a rota do voo para evitar o mau tempo na região, mas perderam o contato com as torres de controle e sumiram dos radares.

Em nota a AirAsia divulgou que o Airbus A320-200 tem seis anos de operação, cerca de 23 mil horas de voo, 13.6 mil viagens e a última manutenção aconteceu em 16 de novembro. O capitão tem mais de 6,1 mil horas de voo e é tido com um piloto experimentado.

Imediatamente uma grande operação de busca foi iniciada próxima a ilha de Belitung, no Mar de Java, local onde o avião estava quando perdeu contato com a torre de controle. Porém, as buscas foram suspensas por causa do mau tempo e serão retomadas na segunda-feira.

Jusuf Kalla, vice-presidente da Indonésia, afirmou neste domingo que é provável que o Airbus A320-200 tenha sofrido um acidente. “É provável e são grandes as chances de que um acidente tenha ocorrido”, disse Kalla.

A Indonésia é um arquipélago formada por 17 mil ilhas, muito dependente de transporte aéreo e tem um dos piores índices da Ásia em termos de segurança aérea. O ano de 2014, pode ser considerado um dos piores para a aviação asiática, pois em 8 de março um Boeing 777-200 da Malaysia Airlines desapareceu com 239 pessoas a bordo e a aeronave jamais foi encontrada. Em 17 de julho, um outro Boeing 777 também da Malaysia Airlines com 298 ocupantes caiu em território controlado por separatistas pró-Rússia, na Ucrânia, possivelmente abatido por um míssil.

Foto: Divulgação

About The Author

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Translate »